domingo, 13 de setembro de 2009

Conheço o Sal

Conheço o sal da tua pele seca
depois que o estio se volveu inverno
da carne repousando em suor nocturno.

Conheço o sal do leite que bebemos
quando das bocas se estreitavam lábio
se o coração no sexo palpitava.

Conheço o sal dos teus cabelos negros
ou louros ou cinzentos que se enrolam
neste dormir de brilhos azulados.

Conheço o sal que resta em minhas mãos
como nas praias o perfume fica
quando a maré desceu e se retrai.

Conheço o sal da tua boca, o sal
da tua língua, o sal de teus mamilos,
e o da cintura se encurvando de ancas.

A todo o sal conheço que é só teu,
ou é de mim em ti, ou é de ti em mim,
um cristalino pó de amantes enlaçados.

Jorge de Sena

(imagem roubada com estilo a um companheiro de viagem)

5 comentários:

poetaeusou . . . disse...

*
amiga.,
,
Que Jorge de Sena,
descanse em paz,
no seu País,
neste seu retorno
que passou despercebido

inspiro o sal
nas veias das maresias
entre vagas decantadas
que sabem a poesias,
,
conchinhas coloridas, deixo,
,
*

AFRICA EM POESIA disse...

Mesmo com a mão doente venho deixar um beijinho

AFRICA EM POESIA disse...

papoila
Não deixes que as folhas secam na totalidade. menina temos que Renascer.Amanhã é um novo dia
um beijo




OUTONO


Estou a ver-te…
Árvore de Outono…
Porque estás nua?
Porque deixaste fugir
As tuas folhas…
E os teus ramos…
Ficaram secos e frios…
Longos e nus…
Porque deixas
Porque sofres?
Porque tem frio?

Porque…
É preciso renascer…
É preciso sofrer…
Para viveres novamente…

E assim árvore nua…
Vais voltar…
Mais frondosa…
Mais bonita…
E…
Vais estar outra vez…
Pronta para a nova primavera…



Lili Laranjo

Sofá Amarelo disse...

Gosto do gosto a sal, preciso do gosto da sal, desse sal que fala o poema o poema de Jorge de Sena.

Muitos beijinhos. Bom fim-de-semana!!!

A Teoria do Kaos disse...

Olá,

Gostas de Animais?

Então visita
http://animaisemportugal.blogspot.com

Eles Agradecem!