domingo, 18 de janeiro de 2009

Para ti


9 comentários:

poetaeusou . . . disse...

*
o amor
é a essência da dualidade,
bálsamo e achaque dos sentidos,
mal e cura do espírito . . .
,
um mar de amores, deixo,
,
*

Maria disse...

A paixão alimenta o amor
e o amor a vida....

Beijos, BF
(com saudades...)

tulipa disse...

QUE LINDA ESSA TUA PAIXÃO...

Convido-te a leres o meu ultimo post sobre
MOMENTOS NA ÍNDIA:
Para subir ao Forte Amber, há uma quantidade enorme de elefantes, até fazem fila, para os turistas se sentarem na cesta e partirem encosta acima.
Como muito bem escreveu o meu amigo Mocho:
..." sem dúvida uma experiência que nunca se esquece, os elefantes sobem a montanha com os turistas que chegam aos magotes para serem recebidos ao som estridente e majestoso de cornetas e tambores como se de verdadeiros marajás se tratassem..."

Bom fim de semana.
Beijokas

Amaral disse...

O amor não morre.
A paixão reaparece sempre, cada (nova) vez com mais força!
Acreditar no amor é a solução... e a inevitabilidade, também...

Alice Matos disse...

Por vezes é tão fácil o propagar do fogo... outras vezes, uma verdadeira luta para manter a chama...

Beijinho para ti...

Jorge P.G disse...

O tema 'amor' tratado em tons da poesia dos sentimentos, como sempre aqui li.

Um abraço e tudo de bom.

poetaeusou . . . disse...

*
vim deixar um jino,
,
conchinhas serenas,
,
*

C Valente disse...

Muito bonito
Saudações amigas

irneh disse...

Olá

Passei para te deixar um beijinho, assim como à tua menina.
Boa semana!