sexta-feira, 23 de novembro de 2007

Falamos depois

12 comentários:

Lumife disse...

O tempo, sempre esse elemento que nos perturba e não nos deixa cumprir os nossos projectos, não tem permitido que viesse visitar a Papoila e lhe deixasse uma palavra de apreço pelos poemas que a sua inspiração lhe dita e que tão gostosamente partilha connosco.
Tento adaptar-me e visitar o maior número possível de amigos(as) desejando tudo de bom.

Agora vou actualizar a leitura.


Beijos

Amaral disse...

Falamos depois!
Também gosto!...

Moura ao Luar disse...

Talvez amanhã...

multiolhares disse...

por vezes mais vale,quando as raivas passarem
beijos
luna

Alice Matos disse...

Hoje é Dia Mundial contra a Violência de Género...

"Aqui fica a minha solidariedade para com todos aqueles que sofrem, no corpo ou na mente, da violência dos que se julgam muito fortes mas não passam de reles cobardes..."


Para ti... um beijinho muito apertado...

Mocho-Real disse...

Uma canção interessante do Gonzo, não conhecia!

Um abraço.

Meg disse...

Falamos depois... está bem, mas falamos, está certo?

Um abraço

poetaeusou . . . disse...

*
falamos,
sempre,
,
ji
*

O Profeta disse...

Nesta terra molhada
Perdeu-se um beijo na tua procura
Os lagos guardam os segredos do tempo
Lavam a inquietação da tua alma pura


Passei para me inebriar com os teus sentires…

adrianeites disse...

boa escolha!

ab initio disse...

Gostaria de falar desde agora mas, não podendo, voltarei em outra altura.
Gostei do reconto da Papoilinha sobre o lindo conto de Luís Sepúlveda.

Cumprimentos

João Lisboa
www.abinitiolisboa.blogspot.com

Lu@r disse...

Falamos quando olhares nos meus olhos...

Beijo